domingo, outubro 01, 2006

The L Word

Ora bem, a Letra L é uma série televisiva que há cerca de duas semanas tenho vindo a acompanhar no segundo canal.

A historia passa-se na chamada zona gay de L.A, e retrata a vida de um grupo de amigas lésbicas , que enfrentam o dia a dia de todas as difuculdades sociais, como lutam pelos seus direitos, amores e desamores, como se divertem...ou seja acaba por ser uma série como tantas outras mas muito bem estruturada e com uma vertente direcçionada para a homossexualidade, a verdade é que a aconselho vivamente.

Há quem diga que " The L Word" é um "Queer as Folk" versão feminina heheh, ambas as séries bastantes boas e com uma menssagem bastante identica. De momento a série já vai na segunda temporada que começou na quinta feira passada.
Não tenho muito mais para falar, assim sendo deixo aqui uma descrição das personagens, fazendo de algum modo um pequeno resumo da primeira temporada para quem tiver curiosidade de a seguir de segunda a sexta na RTP 2 pelas 00.30h. =D

Danna: Uma tenista de sucesso que passou por grandes dificuldades durante o seu "comming out", pois o seu agente insistia que ela não deveria expor e assumir a sua sexualidade em público, mesmo tendo ela uma relação com Lara (cozinheira num restaurante), o agente insiste em arranjar-lhe companhia masculina para a acompanhar em eventos, o resultado de toda esta pressão foi o final da relação.
mais tarde danna é convidada para participar num evento direcçionado para celebridades lésbicas onde atinge um grande sucesso, aí conhece Tonya que se torna sua agente e iniciam uma relação (relação esta de interesse pessoal e profissional pela parte de Tonya)...

Alice: grande amiga de infância de Danna ( Al como lhe chamam os amigos), escreve colunas para uma revista conceituada, muito preocupada com os outros, por vezes para tentar ajudar acaba por falar demais arranjando ainda mais confusões, uma bissexual confusa, mas mais inclinada para relacionamentos com mulheres.
Al tem como passatempo apontar num quadro gigante um esquema das ligações e relações entre as lésbicas suas conhecidas (achei interessante referir isto aqui pois é uma brincadeira deveras interessante para chegar a conclusões inesperadas sobre cada pessoa hehehe!)...nesta altura da série Al ao tentar fazer ver a Danna que as intenções da sua noiva Tonya não são as melhores começa a sentir-se atraida por ela...e para Danna a quimica também se manifesta...

Bette: Directora de uma galeria de arte "CAC" , casada com Tina há 7 anos e com uma vida estável, infrenta graves problemas a nível profissional, pois a exposição de obras de arte com tema religião/sexo, faz com que ativistas entrem em guerra contra a sua pessoa e a instituição, expondo a sua vida pessoal e a credebilidade da CAC.
A relação com a sua companheira não andava nos melhores dias nessa altura então Bette teve um "deslise", e envolveu-se com uma arquitecta, Cadance, que andava a trabalhar na preparação de uma nova exposição...


Tina: Companheira de Bette (primeira e unica até ao momento), abandonou o trabalho para uma tentativa de terem um bebe por inseminação artificial, o que não correu bem e Tina acabou por perder a criança, voltando ao trabalho, com as vidas profissionais complicadas e horários trocados a relação sofreu uma grande quebra, mas mesmo assim, Tina sem a Bette saber voltou a fazer outra tentativa de engravidar, tudo isto se passou na altura em que Tina descobre a traição de Bette e sai de casa, entretanto descobre que a inseminação deu resultado mas tarde demais!


Shane: Orfã, rebelde, Shane cesceu na rua, passou pela protituição como modo de sobrevivência, viciada em cocaina, mas a sorte bateu-lhe á porta ao ser divulgado o seu talento como cabeleireira, construindo sucesso na carreira, montou um salão e os seus serviços são solicitados para eventos televisivos, e de personalidades imporatantes, Shane devido ao seu passado tem dificuldade em manter uma relação séria, entregando-se a relações baseadas em sexo de uma noite...mas mais tarde entrega-se ao sentimento, e apaixona-se por Carmen (cenas da segunda temporada)...

Carmen: Assistente de produção de um canal de televisão e Dj a tempos livres, um mulherão....aquela que finalmente "domina" a Shane hehe... (entrou somente na segunda temporada por isso não tenho muito mais a acrescentar).







Jenny: O caso mais complicado na série, Jenny ambiciona ser escritora de ficção, muda-se para a vila para ir morar com o namorado Tim (monitor de natação de competição) e começa a trabalhar como operadora de caixa num supermercado, mas ao conhecer as pessoas e frequentar o bar "The Planet", apaixona-se por Marina dona do bar, Tim descobre a a relação, ainda tentam um casamento pelo registo mas acabam por se separar, mas mais tarde Jenny descobre que Marina tem uma relação e vive junta com a companheira que esteve fora do país por razões profissionais, Jenny começa a envolver-se com muita gente para tentar esquecer Tim e Marina, num acto de loucura e desespero (mas que confusão), Marina acaba a relação com Francesca e tenta o suicidio, por amor a Jenny... (parte em que esta desaparece do elenco), Tim muda de cidade e Jenny acaba por ficar com a casa, com o acordo de acabar de pagar as prestações ao bando, e para isso começa a dividir a casa com Shane...

Kit: Heterossexual, é meia irmã de Bette, Kit foi uma cantora muito famosa dos anos 80, mas que como muitos outros artistas caiu em esquecimento, Kit toma posse do bar "The Planet", e cria o proprio negócio com a ajuda de Ivan (bem outro perssonagem muito caricato)...Ivan na realidade é uma mulher que nasceu com identidade de género masculino (mecanico automóvel mas ligado á área do espectáculo fazendo shows como "travesti feminino"), recusa-se a ser mulher, este apaixona-se por Kit o que está a gerar uma grande confusão pois Kit começa a ver Ivan como um homem!

Bom pode-se dizer que isto contado desta forma por mim, soa a novela Venezuelana lol, mas na realidade só se interpreta de outra forma começando a ver os episódios, este resumo servirá para compreenderem a historia melhor, se a virem espero que gostem :)

Se quizerem saber mais (http://www.thelwordonline.com/)

Beijos, Beijinhos e Beijões

19 Comments:

Anonymous Lady said...

E mai nada mami =P
Sou completamente fã dessa série..da Lara e da Carmen então (cof cof)..mas bem..a primeira temporada foi muito pó soft..pra prender o pessoal á tv..a segunda apesar de trazer a Carmen..e algumas relações interessantes..começou a mostrar que algo ia mudar..e a terceira então..essa pra mim..foi mesmo a pior..(tirando certas cenas entre dois certos casais lol)..mas pronto..não me vou esticar muito..senão já ando praqui a 'dizer' spoilers a mais..lol..

Fica bem..dwt =D **

segunda-feira, outubro 02, 2006 8:26:00 da tarde  
Blogger Ritchie said...

bem, para mim, o unico defeito desta serie e até do queer as folk é que tudo aqui está ao alcance de um olhar, de um estalar de dedos e de uma vontade.
a série está muito bem conseguida, tal como o queer, em termos de qualidade de cenas, de actrizes e de tudo o mais..so acho mesmo que nao corresponde na sua essencia á quantidade de lesbicas reais, ali estala-se um dedo e zumba...era bom era...queriam mas era batatinhas lole.
a série vale a pena ser acompanhada aparte deste pequeno detalhe que, em nada, a desprestigia.

terça-feira, outubro 03, 2006 1:43:00 da manhã  
Blogger Ritchie said...

e passa no perfect, tenho uma tarefa para ti na ultima entrie

terça-feira, outubro 03, 2006 1:44:00 da manhã  
Blogger Lady_S said...

Obrigado Filhota plo teu comment, e quanto a tu senhor Ritchie, quando falas na quantidades de lesbicas reais, temos que conssiderar a zona onde é passada a séria, numa vila homossexual de L.A, logo há mais probabilidades de encontrares Homossexuais que Heteros, existe um "aglomerado" digamos....beijinhos aos dois

terça-feira, outubro 03, 2006 2:00:00 da manhã  
Anonymous Canita said...

lesbicas há em todó lado, mesmo ao alcance do olho mas vá, realmente lá é mais propensa. não mostram os problemas económicos ou de distância que podem acabar com relações, parece tudo perfeito...
eu só digo uma coisa "The L Word" FOREVER!!! :)

terça-feira, outubro 03, 2006 10:45:00 da tarde  
Anonymous maurício said...

adoro essa série daí. um bom lésbico como eu só poderia rsrsrsrsrsrsrs. oh cenazinhas kentes essas que nos tiram do sério. também é lesbica você?

segunda-feira, outubro 16, 2006 4:50:00 da tarde  
Blogger Lady_S said...

Mauricio realmente é pena que vc veja a série somente pelas cenas quentes (como se trata-se de uma série erotica), e não pela menssagem que trasmite, mas quem sou eu para julgar a interpreteção de cada um! como diz um velho ditado "cada cabeça sua sentença",quanto á minha sexualidade é algo que concertsa não seria com um estranho que eu iria falar, portanto isso são conversas fora do contexto deste blog, que visa falar de assuntos banais do quotidiano e não sobre meus assuntos intimos. Portanto se quizer voltar é sempre bem vindo, mas respeitando a minha pessoa e quem me visita!

segunda-feira, outubro 16, 2006 8:27:00 da tarde  
Anonymous Canita said...

dino meira...lol

quarta-feira, outubro 18, 2006 12:13:00 da manhã  
Blogger Lady_S said...

HAHAHAHA! Cada um tem a resposta que merece! :P

Beijinhos

quarta-feira, outubro 18, 2006 9:00:00 da tarde  
Anonymous maurício said...

iiiiiiiiiiiiiiiihhhh garota, não fica abespinhada aí desse modo não. seja lésbica k não seja respeito muito, afinal meu irmão é gay e eu adoro muito ele, não me tira bocado. mas qual é o problema mesmo de eu ficar dando uma conferida na série pelas cenas kentes delas... curto ver isso, é um fetish meu e achei k você iria achar piada em ver uma opinião da série vista pelum cara straight.
eu também via o queer as folk e não era boiola não mas até k achava piada na série...e você viu essa série daí mesmo? ou se ficou pelo copy paste da critica?

quarta-feira, outubro 18, 2006 11:12:00 da tarde  
Blogger Lady_S said...

Mauricio não fiquei despinhada como vc diz, simplesmente achei a pergunta um pouco incoveniente! Como disse em realação ao modo como vê a série, cada um pensa como quer "cada cabeça sua sentença", apenas fiz uma observação, pois geralmente na nossa sociedade a homossexualidade é comparada a premiscuidade e pernografia, infelizmente é uma realidade bem presente, assim sendo se vc tem alguem tão chegado deve saber do que falo! Quanto ao copy paste, posso exclarecer que tudo escrito neste blog é de minha autoria!(achei que foi outra inconveniencia esse comentario :P, ou um elogio porque significa que está bem estruturado)
Obrigado por outra visita é sempre bem-vindo!

quarta-feira, outubro 18, 2006 11:28:00 da tarde  
Anonymous maurício said...

aí garota...terminou não me respondendo de volta não? você viu ou não viu a serie gay do the l world?

quinta-feira, outubro 19, 2006 12:31:00 da manhã  
Blogger Lady_S said...

Sim respondi, se tudo é elaborado por mim, logo para fazer este resumo tenho que ter visto! se vc leu com atenção o post, eu digo logo no inicio que acompanho a série desde o inicio!!! Qual a sua duvida???

quinta-feira, outubro 19, 2006 12:35:00 da manhã  
Anonymous mauríco said...

me desculpa...vc me respondeu a uma pergunta diferente daquilo que eu havia te perguntado, erradamente. eu não keria dizer se vc tinha visto a serie gay do the l world mas sim se vc tinha visto a versão gay dessa serie lesbica. o queer as folk k eu mesmo nao sendo gay vi e amei...viu só!

quinta-feira, outubro 19, 2006 12:55:00 da manhã  
Blogger Lady_S said...

Ahhh ok, não tinha entendido, do "Queer As Folk", vi apenas alguns pequenos videos no site "you tube", deu pra ter uma noção da série, por isso não aprefundei o assunto sobre a série, sei que passou cá em Portugal um tempo antes do "The L Word", mas só tomei conhecimento da série quando tinha terminado então fui pesquizar os videos!

Um abraço

quinta-feira, outubro 19, 2006 1:01:00 da manhã  
Blogger Ritchie said...

este brasuca ao menos rir faz-nos de certeza... ele todo bundão na "ramboiada" e tu toda abespinhada e responder-lhe religiosamente... ai achei lindo. aí cara botou para kebrar hehehehe Queer as folk é uma série muito fixe mesmo (pronto pronto sara... também gostei muito do the l world... mas eu queria emsmo era provocar-te lole)

sexta-feira, outubro 20, 2006 1:56:00 da manhã  
Anonymous Canita said...

AAHAHAHAH! Rico padrinho, sim sr! LOLOLOL
Com padrinhos assim...eheh

quarta-feira, outubro 25, 2006 1:53:00 da manhã  
Blogger Andreia said...

Bem , assustei-me ao ver o nr de pessoas que ja comentaram por isso como é obvio nao li todos lol

Bem ... eu infelizmente nao vejo o canal dois , pois considero que é um canal para gante inteligente lolol ...
Pode ser que um dia apanhe a serie e logo te dou um comentarios mais aprofundado ;)

segunda-feira, novembro 27, 2006 1:22:00 da tarde  
Anonymous Anónimo said...

NSU - 4efer, 5210 - rulez
[url=http://bk-magazin.com][/url]

domingo, março 04, 2007 4:41:00 da tarde  

Enviar um comentário

<< Home